O Que é Melhor, Mudar ou Refinanciar?

O saldo credor que os proprietários tem agora nas suas casas têm estado no seu maior nível nos últimos tempos. De acordo com o Censo dos EUA, mais de 38% das casas hoje em dia estão ocupadas pelos seus donos já quitaram suas dívidas hipotecárias. Aqueles que ainda tem financiamento também estão vendo seu patrimônio líquido subir rapidamente. Cada vez que o valor aprecia, os proprietários obtêm um ganho de dólar no valor de sua casa e no seu patrimônio líquido.

De acordo com o relatório do primeiro trimestre de 2021 U.S Home Equity Report, da ATTOM Data Solutions:

“17,8 milhões de propriedades residenciais nos Estados Unidos foram consideradas ricas em patrimônio líquido, o que significa que o valor combinado estimado de empréstimos garantidos por essas propriedades era de 50 por cento ou menos do seu valor estimado de mercado.

A contagem de propriedades ricas em patrimônio líquido no primeiro trimestre de 2021 representou 31,9%, ou cerca de uma em cada três, dos 55,8 milhões de casas hipotecadas nos Estados Unidos. Isso foi 30,2 por cento no quarto trimestre de 2020, 28,3 por cento no terceiro trimestre e 26,5 por cento no primeiro trimestre de 2020.”

Este aumento no valor da casa deu à maioria dos proprietários a oportunidade de usar esse valor de uma das seguintes maneiras:

  1. Refinanciar para sacar parte do patrimônio ou reduzir suas prestações
  2. Mudar para uma casa que melhor se adapte às suas necessidades atuais

Analisando as possibilidades:

1. Refinanciar

Uma abundância de patrimônio líquido e juros recordes baixos podem tornar o refinanciamento de uma casa muito fácil. Alguns proprietários optam por refinanciar para que possam reduzir suas prestações mensais. Outros convertem uma parte do patrimônio em dinheiro, mantendo as mesmas prestações mensais.

Existem muitos proprietários que poderiam tirar proveito dos juros mais baixas e níveis mais altos de patrimônio, mas ainda não o fizeram. De acordo com o Economic & Housing Research Note do início deste mês, havia mais de cinco milhões de proprietários com um empréstimo financiado pela Freddie Mac que se beneficiariam com um refinanciamento do seu empréstimo. Em janeiro de 2021, havia:

  • 452,122 empréstimos com juros de financiamento de 6.17%
  • 1,027,834 empréstimos com juros de financiamento de 4.39%
  • 3,687,780 empréstimos com juros de financiamento de 4.21%

Com as taxas juros atualmente em torno de 3%, qualquer um desses proprietários se beneficiaria com o refinanciamento. Eles poderiam reduzir suas prestações em centenas de dólares por mês ou sacar grandes somas de patrimônio, mantendo assim as suas prestações iguais.

Exemplo:

Se um proprietário tem uma hipoteca de taxa fixa de $ 200.000 com uma taxa de juros de 6% e refinancia esse empréstimo com uma taxa de juros de 3%, o pagamento mensal da hipoteca (principal e juros) passará de $ 1.199 por mês para $ 843 por mês - uma economia de $ 356 por mês ou $ 4.272 por ano.

Por outro lado, se quiserem manter a prestação igual, poderão sacar uma quantia significativa de seu patrimônio, para fazer uma compra, investimento, ou fazer um pagamento necessário no orçamento familiar.

2. Mudar Para Uma Outra Casa Melhor

No ano passado forçou muitas famílias a redefinirem o que uma casa realmente significa para eles, e é provou ser algo diferente para cada um. Aqueles que têm uma alta de juros alto podem usar seu patrimônio como entrada em uma outra casa, sem aumentar significativamente suas prestações mensais.

Por Exemplo:

Suponhamos que uma pessoa comprou uma casa por $ 216.000 no auge do mercado em 2006. (O preço médio de uma casa em maio de 2006). Se eles tivessem colocado 10% de entrada e financiado $ 194.400 a 6,41% (a taxa de juros média em 2006), a prestação mensal (principal e juros) teria sido de $ 1.217.

De acordo com a National Association of Realtors (NAR), o valor de uma casa unifamiliar típica cresceu cerca de US $ 150.000 nos últimos quinze anos. Isso significa que a aquela casa de $ 216.000 valeria hoje cerca de $ 366.000.

Depois de deduzir as despesas de vendas, eles ficariam com cerca de $ 130.000 ($ 150.000 menos aproximadamente $ 20.000 em despesas de vendas).

Um vendedor poderia pegar essa renda e usá-la como entrada em uma nova casa. Vamos supor que eles compram uma casa por $ 450.000 (cerca de $ 80.000 a mais do que o valor de sua casa atual). Se eles depositassem os $ 130.000, eles poderiam tirar uma hipoteca de $ 320.000 com uma taxa de juros de 3%. O pagamento mensal da hipoteca (principal e juros) seria de $ 1.349. Portanto, eles poderiam comprar uma casa no valor de $ 80.000 a mais do que a que têm hoje e gastar apenas $ 132 extras por mês.

BOTTOM LINE

Se você quiser refinanciar sua casa ou se mudar para uma nova, a taxa de juros do seu financiamento atual e o nível do seu saldo credor são cruciais no processo de decisão. Dê uma olhada nos documentos da sua hipoteca para conferir a sua taxa de juros e, em seguida, venha conversar conosco para ver as oportunidades que podem se abrir pra você.  Você pode se surpreender com o que vai descobrir.

Quer saber mais?
VENHA CONVERSAR CONOSCO.
 
Temos opções maravilhosas pra você.
COMPRE & VENDA COM SEGURANÇA.
 
Ligue/Text  1 (954) 809-5318

[email protected]

So. Florida: Closed Sales, Average Prices, Inventory, and Time to Close:

MARCH 2021:    Broward     |     Miami-Dade     |     Palm Beach     |     St. Lucie

Post a Comment