Projeção de Preços Residenciais Para 2022

Após quase dois anos de aumentos de dois dígitos, muitos especialistas pensaram que a valorização dos preços das casas desaceleraria ou aconteceria em um ritmo mais lento no último trimestre de 2021. No entanto, o último relatório Home Price Insights Report da CoreLogic indica que, embora os preços possam ter se estabilizado, a valorização definitivamente não diminuiu. O gráfico a seguir mostra a valorização de um ano a outro ao longo de 2021. Os dados de dezembro ainda não foram divulgados.

Como mostra o gráfico, a valorização permaneceu estável em torno de 18% nos últimos cinco meses.

Além disso, o mais recente S&P Case-Shiller Price Index e a FHFA Price Index mostram uma ligeira desaceleração em relação ao mesmo período do ano passado – apenas não está no nível que era esperado. No entanto, ambos também indicam que há um grande aumento de preços contínuo em todo o país. A FHFA relata que todas as nove regiões do país ainda experimentaram uma valorização de dois dígitos. O Case-Shiller 20-CityIndex revela que todos as 20 principais cidades tiveram uma valorização de dois dígitos.

Por Que Não Vimos a Desaceleração Mais Profunda Que Muitos Esperavam?

Especialistas haviam projetado que a oferta de estoque de moradias aumentaria no último semestre de 2021 e a demanda do comprador diminuiria, como historicamente acontece em todo final de ano. Como todos os preços estão sujeitos à oferta e demanda, parecia que a valorização diminuiria nessas condições.

A demanda do comprador, no entanto, não diminuiu tanto quanto o esperado, e o número de listagens à venda caiu em vez de melhorar. O gráfico abaixo usa dados da realtor.com para mostrar o número de listagens disponíveis à venda de cada mês, incluindo o declínio das listagens no final do ano.

Aqui vão três razões pelas quais o número de listagens ativas não aumentou conforme o esperado:

1. Não houve uma onda de foreclosures quando o programa de tolerância, ou forbearance terminou.

2. As novas construções desaceleraram consideravelmente devido aos desafios da cadeia de suprimentos.

3. Muitos acreditavam que mais vendedores colocariam suas casas no mercado assim que as preocupações com a pandemia começassem a diminuir. No entanto, essas preocupações ainda não desapareceram. Um artigo recente publicado pela realtor.com explica:

“Antes que a variante omicron do COVID-19 aparecesse em cena, o mercado imobiliário de 2021 estava se recuperando de forma saudável das ondas anteriores da pandemia e tinha se tornado totalmente otimista à medida que o final do ano estava se aproximando... E daí a nova variante da omicron chegou em novembro, seguida por uma queda em dezembro nas novas listagens. Essa queda repentina foi devido ao omicron, ou apenas a típica calmaria da temporada de férias?”

Ninguém sabe ao certo.

BOTTOM LINE

A valorização dos preços das casas pode diminuir (ou desacelerar) em 2022. No entanto, com base na oferta e demanda, você não deve esperar que a desaceleração seja rápida ou profunda.

Lembre-se de que nós podemos obter financiamentos também e temos acesso a vários bancos que oferecem empréstimos residenciais, para estrangeiros, como investimento, convencional, e vários outros tipos.

Podemos ainda preparar a carta de Pre-Qualificação ou conseguir uma carta de Pre-Aprovação diretamente do banco pra você, facilitando assim na hora de fazer uma proposta de compra.

Quer saber mais?
VENHA CONVERSAR CONOSCO.
 
Temos opções maravilhosas pra você.
COMPRE & VENDA COM SEGURANÇA.
 
Ligue/Text  1 (954) 809-5318

[email protected]

Helena Grossberg NMLS# 2136951
Innovative Mortgage NMLS# 250769

So. Florida: Closed Sales, Average Prices, Inventory, and Time to Close:

NOVEMBER 2021:    Broward     |     Miami-Dade     |     Palm Beach     |     St. Lucie

Post a Comment